Caminhoneiro é baleado ao pedir que não furasse bloqueio

Um caminhoneiro foi baleado na cabeça ao tentar abordar um caminhão que seguia numa estrada entre Santa Leopoldina e Cariacica-Sede. O crime ocorreu por volta de 23 horas de domingo (27) em Piapaba, Cariacica. Caminhoneiro é baleado ao pedir que não furasse bloqueio

Segundo a Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), um grupo de caminhoneiros descobriu que outros caminhoneiros estavam utilizando essa estrada para fugir dos bloqueios da greve e resolveu ir ao local conversar com eles.

No local, a parte do grupo abordava os caminhões, em que motoristas decidiam seguir viagem ou aderir à paralisação. Ao tentar abordar um caminhão Mercedes Benz vermelho, o carona sacou um revólver 32, disparando 6 vezes. Um dos tiros atingiu a cabeça de um caminhoneiro de 39 anos.

O caminhoneiro foi socorrido e levado ao PA de Alto Lage e depois transferido para o Hospital São Lucas. No caminhão vermelho, estavam pai e filho que seguiram viagem, mas com os outros caminhoneiros seguindo à distância. Pai e filho encontraram uma viatura no caminho e conseguiram convencê-los que precisavam de escolta.

No entanto, o grupo de caminhoneiros entrou em contado com a DHPP, que acionou o Ciodes, e este orientou a viatura a escoltá-los até a unidade.

O filho, de 19 anos, foi autuado por tentativa de homicídio, e o pai, de 69 anos, deve ser liberado.