Lama da Samarco: indenização de R$ 880 para moradores de Colatina

Lama da Samarco: indenização de R$ 880 para moradores de Colatina

Começou em Colatina, no Noroeste do Estado, o Programa de Indenização Mediada (PIM) realizado pela Fundação Renova. O objetivo é ressarcir todas as pessoas da cidade que se sentiram impactadas pelo rompimento da barragem de Fundão, em Minas Gerais, que jorrou lama em todo o Rio Doce. O valor da indenização será de R$ 880.
O PIM é aberto a pessoas, famílias, micro e pequenas empresas que tenham sofrido perdas materiais ou referentes às suas atividades econômicas, em consequência direta e imediata do rompimento.
Os interessados que tenham processos judiciais podem aderir ao PIM. Porém, caso concordem com a proposta, devem extinguir o processo para receber o pagamento. Todos os moradores de Colatina, mesmo os que não processaram a Samarco, têm direito à indenização.
O pagamento da indenização será realizado via depósito ou cartão-benefício e em até 90 dias a partir da celebração do termo de acordo, extinção das ações judiciais e homologação judicial.
Forma de pagamento
O Programa de Indenização Mediada terá escritórios fixos e itinerantes, chamados Centros de Indenização Mediada (CIM), para atendimento. Os moradores serão atendidos com data, horário e local agendado.
Ao realizar o agendamento, a pessoa deverá comparecer, conforme dia e horário marcados, a um dos quatro Centros de Indenização Mediada. Para facilitar e organizar o atendimento o agendamento será feito por bairros.
A proposta de indenização é de R$880. A partir do agendamento, serão realizados, no mínimo, três reuniões. Reunião de preparação: apresentação de documentos que comprovem o dano e preenchimento de formulário; reunião da proposta: apresentação da proposta, caso o solicitante seja considerado elegível; reunião de aceite: formalização do acordo, se a proposta for acolhida
Serviço
Agendamento: 0800 031 2303
Escritórios:
Rua Adwalter Ribeiro Soares, 227, Centro, Ed. Ramazini
Avenida Silvio Avidos, 1998, São Silvano
Segunda a sexta-feira, das 13h às 21h, e aos sábados, das 9h às 18h (exceto feriados)