Penitenciária Regional de Linhares vence Prêmio Humaniza 2016

Penitenciária Regional de Linhares vence Prêmio Humaniza 2016

Ações e projetos que contribuem para a humanização do sistema prisional capixaba foram reconhecidos, na última terça-feira (20), na cerimônia do Prêmio Humaniza Ciclo 2016, realizada no Palácio Anchieta, em Vitória. Promovido pela Secretaria de Estado da Justiça (Sejus), o concurso homenageia servidores pelo trabalho desenvolvido nas unidades prisionais e administrativas da Sejus.

Os homenageados desenvolvem ações que beneficiam não só os internos e contribuem para a ressocialização das pessoas privadas de liberdade, mas também seus familiares, a comunidade em geral e servidores.

Na categoria Gestão Humanizadora, o vencedor foi a Penitenciária Regional de Linhares (PRL), que tem ampliado as ações de ressocialização na unidade, promovendo diversas atividades culturais para os detentos como música, teatro e desenho, contribuindo, assim, para um ambiente mais humanizado.

Na categoria Projeto Humanizador, o vencedor foi o projeto Equos da Paes, desenvolvido na Penitenciária Agrícola do Espírito Santo. Nessa iniciativa, crianças atendidas pelas Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais de Viana e Cariacica e pela Associação dos Amigos dos Autistas do Espírito Santo participam de sessões de equoterapia na unidade. Os cavalos usados no projeto são doados à Penitenciária e são tratados, alimentados e conduzidos por internos.

Fechando a premiação, a servidora Luciene Lopes Vieira, que atua na Penitenciária Feminina de Cariacica (PFC), foi a vencedora da categoria Atitude Humanizadora. Pró-atividade, postura ética e comprometimento com as normas e regras foram algumas das qualidades que levaram a servidora a ser premiada.

Também foram conferidas menções honrosas a servidores e projetos das três categorias. A escolha dos ganhadores e das menções honrosas foi feita por uma banca julgadora formada por pesquisadores e especialistas com reconhecida atuação no campo das políticas prisionais, de políticas públicas, sociais e de gestão.

Os vencedores das três categorias do concurso receberam um troféu do Prêmio Humaniza e um equipamento eletrônico (data show). Além disso, terão o registro em seu histórico funcional.

Fonte: Linhares em Dia