Suspeito de matar casal em Colatina tem passaporte apreendido

Suspeito de matar casal em Colatina tem passaporte apreendido

O principal suspeito de matar um casal no bairro Nossa Senhora Aparecida, em Colatina, Noroeste do Estado, Edwalter Luiz Fagundes, conhecido como Corujão, teve o passaporte apreendido.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Fabrício Bragatto, a Justiça expediu um mandado e a Polícia Civil apreendeu o documento do suspeito porque havia o risco dele fugir para o Canadá, onde tem parentes. Edwalter ainda não foi localizado.

O crime aconteceu na noite da última quarta-feira (12), na frente da residência das vítimas Wilson Julio da Silva, de 48 anos, e Jaine Coelho da Silva, 49. Uma testemunha contou que estava sentada com o casal na calçada quando o suspeito, que é vizinho das vítimas, chegou.

Por se tratar de uma rua apertada e tendo em vista a dificuldade de colocar o carro na garagem, os três comentaram entre eles: “Caramba, esse cara é um bom motorista, pois olha o que ele tem que fazer para guardar o carro”.

Nesse momento, enquanto o vizinho foi até a garagem com o veículo, a testemunha saiu do local para buscar algumas cervejas e ouviu disparos. Ao retornar, viu que o suspeito teria atirado contra o casal.
Para a testemunha, “provavelmente, o acusado interpretou errado o comentário que eles fizeram, vindo a tomar essa atitude”, conforme o boletim policial.
No depoimento, testemunhas mantiveram a versão de que Edwalter teria interpretado mal o comentário das pessoas que estavam na rua no momento do crime. Elas estariam falando da dificuldade de estacionar o carro na garagem da casa dele.
A polícia trabalha com a hipótese de homicídio por motivo fútil. O delegado tem 30 dias para concluir o inquérito.
Com informações da TV Gazeta Noroeste