Os avanços e possibilidades de crescimento das dez microrregiões do Espírito Santo são tema das discussões iniciadas nesta terça-feira (12), no primeiro encontro do “Fórum Desenvolvimento e Inovação: O Futuro do Espírito Santo”, realizado em Presidente Kennedy. Cerca de 500 pessoas acompanharam as reflexões feitas pelo governador do Estado, Renato Casagrande, que participou de um talk show durante o evento.

- Publicidade -

Casagrande falou sobre o potencial de desenvolvimento regional a partir de investimentos em infraestrutura. “São diversas obras em andamento que visam o desenvolvimento da região. Obras que interligam municípios e fortalecem essa integração regional”, pontuou.

Ele destacou ainda a atuação do Governo do Estado na busca de investimentos. “Tenho certeza que com a nossa agressividade na criação de relações nacionais e internacionais, no sentido da audácia e persistência no trabalho, vamos produzir muitos efeitos para possibilitar o desenvolvimento da região sul”, disse.

O evento em Presidente Kennedy foi promovido pela Global Ideas, em parceria com a Comissão de Infraestrutura da Assembleia Legislativa do Espírito Santo (CoinfraES) e a Associação Brasileira de Engenheiros Civis no Estado (Abenc-ES).

O vice-presidente da Assembleia, deputado estadual Marcelo Santos, também chamou a atenção para o potencial de desenvolvimento que o Espírito Santo apresenta desde a primeira gestão de Casagrande, quando o Estado conquistou a nota máxima da Secretaria do Tesouro Nacional (STN) quanto à Capacidade de Pagamento do Estado (Capag). O deputado destacou a preocupação com o desenvolvimento econômico sem deixar de olhar para o social. “Você produz um número na geração de emprego, mas não pode se esquecer da renda, do saneamento básico, da educação. Essa melhoria salarial precisa refletir na melhoria da qualidade de vida”, afirmou.

Também participaram do Fórum, o secretário de Desenvolvimento, Marcos Kneip; o presidente da Associação dos Municípios do Espírito Santo (Amunes) e prefeito de Viana, Gilson Daniel; o presidente do ES em Ação, Fábio Brasileiro; o prefeito de Presidente Kennedy, Dorlei Fontão; o CEO do Porto Central, José Maria Novaes; além de outras autoridades políticas e lideranças empresariais.

Complexo portuário e nova delegacia

Durante o evento foi celebrada a assinatura de um protocolo entre o Porto Central e a empresa de dragagem Van Oord para implementação do complexo portuário. Um protocolo de intenções para construção de uma delegacia em Presidente Kennedy também foi assinado na ocasião pelo governador Renato Casagrande e o delegado-geral da Polícia Civil do Espírito Santo, José Darcy Arruda.

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.